A ESCOLA

A Escola Natural Vivência foi fundada em 10 de outubro de 1989, constituída pelas Pedagogas Maria Zélia Fortuna Costa e Marta Maria Ramos de Albuquerque.

Atualmente tem como mantenedora a empresária Rosangela Cella.

A Missão da Natural Vivência é de proporcionar ensino de qualidade através da vivência de valores éticos, humanos, sociais e ambientais.

 

A Visão da Natural Vivência é ser reconhecida como referência em educação infantil e ensino fundamental, através da aplicação de um modelo de ensino dinâmico, da qualificação de seus profissionais e da integração com a comunidade.

 

Com 7.000m² de área total e 4.500m² de área construída, a Escola Natural Vivência propõe um ensino dinâmico e significativo.
O prédio da escola foi construído com intuito de proporcionar um ambiente totalmente pensado para os alunos. Dessa forma, as 7 salas de Educação Infantil e as 14 salas de Ensino Fundamental foram planejadas com cuidado.

Salas-ambientes, laboratório de ciências, sala de leitura, sala de expressão corporal, horta, viveiro de animais de pequeno porte, casinha do faz de conta, uma extensa área verde, entre outros espaços, compõe um ambiente acolhedor e facilitador à aprendizagem significativa.

(fotos dos ambientes)
PROPOSTA PEDAGÓGICA

A proposta pedagógica da Escola Natural Vivência está embasada nos pressupostos teóricos do Construtivismo / Interacionismo.

Utiliza como material de apoio os livros didáticos do Projeto Uno Internacional.

 

A Natural Vivência oferece cursos dos níveis da Educação Infantil, Fundamental I e II. Tem como maior objetivo formar cidadãos capazes de analisar, compreender e intervir na realidade, visando o bem-estar do homem no plano social e coletivo. A necessidade de procurar, de conhecer à sua volta, de experimentar, de viver – sob todos os pontos de vista – inata ao homem – é incentivada pelas experiências, por meio de situações concretas.
O processo de aprendizado do estudante deve desenvolver a criatividade, o espírito crítico, a capacidade para análise e síntese, o autoconhecimento, a socialização, a autonomia e a responsabilidade. A Natural Vivência considera a educação como processo para o desenvolvimento humano integral.

A Natural Vivência está comprometida a alinhar sua prática pedagógica aos pilares ressaltados pela UNESCO: Aprender a Ser, Aprender a Viver com os outros, Aprender a Conhecer e Aprender a Fazer.

 

A formação de uma equipe de profissionais competentes e responsáveis e o ensino de qualidade são preocupações constantes da Natural Vivência.